Ensino de História no 3.º Ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário

O Mestrado em Ensino de História no 3.º Ciclo do Ensino Básico e no Ensino Secundário assume um compromisso com a inovação, a especialização, o trabalho colaborativo interdisciplinar e a relação com o mercado de trabalho. Cruzam-se diversos saberes e perspetivas da área científica e disciplinar da História e das Ciências da Educação.

Há a preocupação de proporcionar uma formação que alia a mobilização de saberes académicos diversificados, o desenvolvimento de competências reflexivas e autorreguladas com a investigação nas áreas da educação, a experimentação, a aplicabilidade prática em diferentes contextos educativos.

É relevante a iniciação à profissão docente e, por isso, são estabelecidos protocolos com Escolas Básicas e Secundárias onde os alunos em estágio são recebidos, durante um ano letivo, para realizar a Prática de Ensino Supervisionada como componente não letiva do Mestrado em Ensino. O acompanhamento dessa prática profissional é feito com a colaboração de orientadores cooperantes com muita experiência, licenciados na área específica e com várias formações complementares.

 

OBJETIVOS EDUCATIVOS

_____

  • Compreender a importância da educação para o progresso pessoal e social.
  • Refletir sobre os desafios que se colocam à sociedade em geral e às escolas portuguesas em particular.
  • Conhecer as linhas orientadoras da política educativa nacional e sua evolução.
  • Aplicar adequadamente os conhecimentos históricos.
  • Planificar atividades colaborativas e autorreguladas, adequadas aos documentos curriculares, às especificidades dos estudantes e meios escolares.
  • Construir recursos e instrumentos de avaliação que contribuam para desenvolver competências diversificadas.
  • Avaliar a adequação e aplicação das metodologias de trabalho e dos recursos.
  • Compreender as mudanças no desenvolvimento psicológico, com especial relevo para as que ocorrem na adolescência.
  • Adquirir competências básicas no diagnóstico e resolução de situações problemáticas na sala de aula.
  • Refletir sobre a ética da profissão docente.

 

CONDIÇÕES DE ACESSO

_____

  • 120 créditos em História, de acordo com o Decreto-Lei n.º 79/2014, de 14 de maio atualizado com o Decreto-Lei n.º 176/2014, de 12 de dezembro.
  • Outras condições de acesso associadas aos mestrados em ensino podem ser consultadas na respetiva página.

 

Distribuição dos ECTS por sub-áreas na NOVA FCSH

____

  • 30 ECTS em História de Portugal
  • 90 ECTS em História Geral

 

Candidaturas 2020/21

____

Consulte o edital de candidatura disponível no topo desta página.

Estrutura curricular

Duração: 2 anos / 4 semestres Créditos totais: 120 ECTS (70 em unidades curriculares + 50 na componente não letiva).

Para a realização da componente não letiva conducente ao grau de mestre, o aluno realiza, nos termos do disposto na no Decreto-Lei n.º 79/2014, de 14 de maio, a iniciação à prática profissional a que são atribuídos 50 créditos (45 ECTS correspondem à Prática de Ensino Supervisionada e 5 ECTS ao Seminário de Orientação da Prática de Ensino Supervisionada).

O grau de mestre corresponde ao nível 7 do QNQ/QEQ - Quadro Nacional de Qualificações/Quadro Europeu de Qualificações.

Coordenação

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer