Mobilidade para docentes e não-docentes

As oportunidades de mobilidade do programa Erasmus+ destinam-se não só a estudantes, mas igualmente a staff académico, docente e não-docente, das instituições de ensino superior europeias e de países parceiros. Consulte abaixo os programas de mobilidade outgoing e incoming disponíveis na NOVA FCSH.

Programas Outgoing

Encontre aqui as várias oportunidades de mobilidade no estrangeiro.

Anualmente a Universidade NOVA de Lisboa lança um edital de bolsas para mobilidade de staff académico para missões de ensino ou atividades de formação, para períodos de mobilidade que habitualmente não podem exceder os cinco dias de atividades, excluindo dias de viagem. 

Com base neste edital, a NOVA FCSH lança concursos destinados à atribuição das bolsas destinadas à Faculdade, de modo a que docentes, investigadores e técnicos possam usufruir de experiências de mobilidade que lhes permitam adquirir e transmitir conhecimentos com diferentes parceiros europeus do Ensino Superior. 

A bolsa inclui um contributo para a viagem, calculado de acordo com a distância entre as Instituições, bem como uma subvenção comunitária a título de contributo para as despesas de subsistência durante o período passado no estrangeiro, de acordo com o país de destino.  

STA – Missões de Ensino

Para Missões de Ensino, é obrigatória a existência de um acordo Interinstitucional Erasmus+ com a Universidade de destino, na área de estudos do/a beneficiário/a. As missões de ensino obrigam à lecionação de um mínimo de 8 horas por semana de mobilidade. 

STT – Mobilidades para Formação 

Está disponível para staff docente e não docente e pretende apoiar o desenvolvimento profissional através do apoio à participação em eventos de formação no estrangeiro (excluindo conferências) e períodos de observação/acompanhamento no posto de trabalho/formação numa IES parceira ou noutra organização pertinente no estrangeiro.

Não é necessária a existência de acordo Interinstitucional Erasmus+ com a entidade de destino. 

As Universidades europeias organizam frequentemente semanas de formação (“Staff Weeks”) para onde podem ser direcionadas candidaturas a Mobilidade STT.

Mais informações:

O programa Erasmus+ tem também agora oportunidades para mobilidade abertas a IES de outras partes do mundo. No âmbito do International Credit Mobility (ICM), uma IES de um país parceiro pode enviar os seus estudantes e staff em mobilidade para uma IES parceira num País do Programa, tal como o inverso.

A Universidade NOVA de Lisboa participa em quatro projetos ICM, nos quais o staff académico da NOVA FCSH também tem oportunidade de participar. Todas as informações estão disponíveis nas páginas dos projetos, sendo que a NOVA FCSH publicita as vagas a concurso nos seus meios digitais quando as candidaturas são abertas.

No caso das Missões de Ensino (STA), é obrigatório um mínimo de 8 horas de lecionação por semana de mobilidade. 

O cálculo das bolsas ICM tem em consideração a distância entre Instituições, sendo atribuída uma subvenção comunitária a título de contributo para as despesas de subsistência durante o período passado no estrangeiro, de acordo com o país de destino. 

Mais informações:

Programas incoming

Consulte aqui as oportunidades de mobilidade para a NOVA FCSH.

A NOVA FCSH recebe anualmente algumas dezenas de docentes e staff técnico de Instituições de Ensino Superior, proporcionado trocas de conhecimentos que promovem a difusão de saberes, a implementação de boas práticas e o conhecimento mútuo. 

STA – Missões de Ensino

Os docentes interessados em visitar a NOVA FCSH para Missões de Ensino devem contactar a Coordenação de Mobilidade Departamental da sua área de estudos. É necessária a existência de um acordo Interinstitucional Erasmus+ entre a sua Universidade e a NOVA FCSH, na área de estudos que leciona, para efetuar a mobilidade.  

STT – Mobilidade para Formação

Habitualmente a NOVA FCSH organiza Staff Weeks, onde concentra a receção de staff técnico para formação. Deve ser contactado o NEIMA para mais informações sobre estes eventos ou para a receção de staff técnico para job shadowing ou outras modalidades de mobilidade.  

No âmbito do International Credit Mobility (ICM), uma IES de um país parceiro pode enviar os seus estudantes e staff em mobilidade para uma IES parceira num País do Programa, tal como o inverso.

A Universidade NOVA de Lisboa participa em quatro projetos ICM, nos quais o staff académico das Universidades parceiras também tem oportunidade de participar. Todas as informações estão disponíveis nas páginas dos projetos. As Universidades parceiras divulgam as oportunidades de mobilidade quando são abertas candidaturas. Contacte o Gabinete de Relações Internacionais da sua Instituição para mais informações. 

No caso das Missões de Ensino (STA), é obrigatório um mínimo de 8 horas de lecionação por semana de mobilidade. 

Quanto às Mobilidades para Formação (STT), habitualmente a NOVA FCSH organiza Staff Weeks, onde concentra a receção de staff técnico para formação. Deve ser contactado o NEIMA para mais informações sobre estes eventos ou sobre mobilidade para formação em geral.  

Mais informações:

Precisa de apoio?

O Núcleo de Estudante Internacional e Mobilidade Académica – NEIMA apoia também os docentes e não-docentes nos programas de mobilidade outgoing e incoming.

NEIMA
  • Berta Sousa
  • Marta Spínola Aguiar
+351 217 908 332 | Ext. 31581 out.mobility@fcsh.unl.pt

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer