Este ano a conferência EUROVISIONS é online

A terceira edição da conferência internacional EUROVISIONS realiza-se nos dias 26, 28 e 30 de maio de 2020, às 17 horas, desta vez numa versão online, e vai focar-se nas perspetivas das Ciências Sociais, Artes e Humanidades sobre o Festival Eurovisão da Canção. Nos últimos dois anos, esta conferência realizou-se em simultâneo com o espetáculo musical, em Lisboa e em Telavive (Israel). Em Portugal, o evento é coordenado por duas investigadoras do INET-md da NOVA FCSH, Sofia Vieira Lopes e Isabel Campelo.

A crise de saúde pública provocada pela COVID-19 forçou o cancelamento da 65.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, que iria ter lugar em Roterdão, nos Países Baixos. Deste modo, a EUROVISIONS, que iria realizar-se também nesta cidade, nas mesmas datas, foi igualmente cancelada. Contudo, a organização decidiu organizar um conjunto de eventos online para continuar a juntar músicos, compositores, outros profissionais e fãs da Eurovisão. O objetivo da conferência é agora refletir sobre impacto da pandemia nos agentes que estavam envolvidos neste certame europeu.

Em cada um dos dias da conferência haverá entrevistas gravadas e mesas redondas com discussões em livestreaming (YouTube e Facebook), nas quais o público poderá intervir. A programação é dominada por representantes dos Países Baixos (seriam os anfitriões desta edição), mas estão confirmadas as presenças portuguesas de Pedro Granger (já apresentou o Festival da Canção), Joana Martins (produtora de conteúdos digitais da RTP), Nuno Galopim (fundador da Associação de fãs do Festival RTP da Canção e do Festival Eurovisão da Canção) e Carla Bugalho (chefe da delegação portuguesa). O programa completo está disponível em www.eurovisions.eu

Salvador Sobral – Amar Pelos Dois (Portugal, 2017) | Fotografia de Andres Putting

O projeto EUROVISIONS iniciou-se em fevereiro de 2018, motivado pela organização do Festival Eurovisão da Canção pela primeira vez em Lisboa. A ideia foi proporcionar um conjunto de perspetivas científicas, no campo das ciências sociais, humanidades e artes, sobre um evento que congrega milhões de espectadores, tanto na sua transmissão televisiva como online, assim como move uma entusiasta audiência para o espetáculo ao vivo, onde quer que seja realizado. 

A organização assegura que o evento ao vivo estará de regresso no próximo ano.

 

Fotografia de destaque: Thomas Hanses / site oficial da Eurovisão

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer