Acções do Documento

Mestrados

 

A FCSH oferece um vasto conjunto de mestrados, nas mais diversas áreas científicas, para quem pretenda continuar os seus estudos após a conclusão da Licenciatura.

Folheto - Oferta Lectiva 2014/15

 

Candidaturas 2014/2015

Podem candidatar-se aos mestrados da FCSH os titulares de:

- Licenciatura ou equivalente legal;

- Grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de uma licenciatura organizada de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente;

- Grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da FCSH;

- Detentores de currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da FCSH.

As candidaturas podem ser efectuadas:

- (Informação brevemente disponível)

Documentos a entregar na candidatura:

- (Informação brevemente disponível)

A candidatura é sujeita ao pagamento de uma taxa, actualizada anualmente na tabela de emolumentos.

 

Nos Mestrados de Ensino – Formação Inicial de Professores, a admissão implica a realização de pré-requisitos que poderão ser consultados no respetivo regulamento.

Os candidatos aos mestrado de ensino estão sujeitos a entrevistas obrigatórias. Consulte o calendário!

 

Editais de colocação

1ª fase

2ª fase

3ª fase

 

Vagas

Vagas disponíveis


Propinas

O valor anual fixado para as propinas* de mestrado no ano de 2013/2014 é de 2 000€, excepção feita aos mestrados em associação com outras instituições, os quais apresentam valores específicos.

*A leitura desta informação não dispensa a consulta do regulamento de propinas em vigor no respectivo ano lectivo.

Condições vantajosas:

- Alunos do ensino superior público em Portugal com média de licenciatura igual a 16 – 50% de desconto na propina do 1º ano (componente lectiva)

- Alunos do ensino superior público em Portugal com média de licenciatura igual a 17 – 80% de desconto na propina do 1º ano (componente lectiva)

- Alunos do ensino superior público em Portugal com média de licenciatura igual ou superior a 18 – 100% de desconto na propina do 1º ano (componente lectiva)

O pagamento das propinas pode ser efectuado de acordo com o calendário e modalidades seguintes:

Cursos de Mestrado com 4 semestres

-  pagamento total da propina de Mestrado, no acto da inscrição, beneficia de 10% de desconto;

-  ou 500€ no início de cada semestre;

-  ou 4 prestações mensais de 125€ em cada um dos quatro semestres do curso (16 prestações no total), pagas, consoante os casos, até Dezembro e até Junho.

Cursos de Mestrado com 3 semestres

- pagamento total da propina de Mestrado, no acto da inscrição, beneficia de 10% de desconto;

- ou 500€ no início do 1.º e do 2.º semestres do curso e 1 000€ no início do 3.º semestre do curso;

- ou 1.º e 2.º semestres do curso em prestações mensais de 125€ (8 prestações); 3.º semestre do curso em prestações mensais de 250€ (4 prestações).

Outros pagamentos

Seguro escolar - 1,50€, a ser pago no acto de inscrição

Custo administrativo – 34€, a ser pago no acto de inscrição

Consultar:
Regulamento de Propinas do Ciclo de Estudos Conducente ao Grau de Mestre
Emolumentos em vigor no ano lectivo 2013/2014

 

Creditação

Um estudante pode requerer a validação de competências adquiridas no decurso da realização de um curso superior, curso de especialização tecnológica, formação pós-secundária ou profissional certificada, ou ainda através de experiência profissional para efeitos de conclusão ou prosseguimento de estudos na FCSH.

O processo de creditação resulta num número determinado de créditos, que tem por efeito isentar o estudante da aquisição de igual número de créditos previstos pelo plano curricular do curso de destino.

Consultar:
Despacho n.º 23/2010, Regulamento de Creditação de Competências Académicas e Profissionais
Despacho n.º 52/2010, Alteração de Plano Curricular: Creditação de Unidades Curriculares

Despacho n.º 16/2014 - Adoção pela FCSH da Recomendação do CRUP relativa à aquisição do grau de Mestre pelos licenciados pré-Bolonha

Pedido de creditação
Os pedidos de creditação são efectuados:

- Presencialmente na Divisão Académica – Núcleo de Mestrados

Torre B, Piso 1

- Por correio postal para o endereço:

Divisão Académica – Núcleo de Mestrados

Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa

Av. de Berna, 26 C

1069-061 Lisboa

Documentos a entregar no acto do pedido:

- Formulário de Pedido de Creditação

- Formulário para pedidos de avaliação prévia de creditação pelos licenciados pré-Bolonha

No caso da formação ter sido realizada noutra Faculdade deverá entregar também:

- Certidão de unidades curriculares realizadas em créditos ECTS;

- Programas devidamente autenticados das unidades curriculares realizadas.

O pedido de creditação é sujeito ao pagamento de uma taxa, actualizada anualmente na tabela de emolumentos.

Consultar:

Emolumentos em vigor no ano lectivo 2011/2012
Emolumentos em vigor no ano lectivo 2012/2013

Contacto:
DAEI – Divisão de Apoio ao Ensino e à Investigação | Núcleo de Gestão Curricular

 

Contactos

GRIA – Gabinete de Recrutamento e Intercâmbio de Alunos
DA – Divisão Académica | Núcleo de Mestrados

 

Perguntas Frequentes

Onde posso obter informações sobre a FCSH e oferta lectiva?
Toda a oferta lectiva da FCSH encontra-se divulgada no sítio Web da FCSH, no blogue da Faculdade e nas páginas oficias da FCSH no Facebook , Twitter , Youtube e Google +.

Qual a habilitação de acesso a mestrado?
Podem candidatar-se aos mestrados da FCSH os titulares de:

- Licenciatura ou equivalente legal;

- Grau académico superior estrangeiro conferido na sequência de uma licenciatura organizada de acordo com os princípios do Processo de Bolonha por um Estado aderente;

- Grau académico superior estrangeiro que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da FCSH;

- Detentores de currículo escolar, científico ou profissional, que seja reconhecido como atestando capacidade para a realização deste ciclo de estudos pelo Conselho Científico da FCSH.

Nota: Alguns mestrados poderão ter condições de acesso específicas.

Depois de me matricular onde posso obter informações?
Todas as informações sobre o percurso académico dos estudantes podem ser facultadas pelos diversos gabinetes da Área de Serviço aos Alunos, na Secretaria Virtual ou na Intranet da FCSH.

Qual é o meu calendário escolar?
Os calendários escolares são aprovados todos os anos lectivos e encontram-se disponíveis na página Web da FCSH.

Como estão organizados os mestrados da FCSH?
Os mestrados da FCSH estão organizados segundo o sistema europeu de acumulação e transferências de créditos (ECTS), podendo ter 93 créditos ou 120 créditos.

Os mestrados com 93 créditos são, normalmente, compostos por uma componente curricular de 60 créditos (dois semestres) à qual corresponde um diploma de pós-graduação e por uma componente não lectiva de 33 créditos (um semestre) que poderá assumir a figura de: a) Dissertação; b) Trabalho de Projecto ou c) Estágio com Relatório.

Os mestrados com 120 créditos são, normalmente, compostos por uma componente curricular de 60 créditos (dois semestres) à qual corresponde um diploma de pós-graduação e por uma componente não lectiva de 60 créditos (dois semestres) que poderá assumir a figura de: a) Dissertação; b) Trabalho de Projecto ou c) Estágio com Relatório.

A conclusão da componente curricular confere algum diploma?
Sim. Pela conclusão da componente curricular é atribuído um diploma de pós-graduação, não conferente de grau.

O que é a componente não lectiva e como é desenvolvida?
Os mestrados da FCSH prevêem três tipos de componente não lectiva: a) Dissertação; b) Trabalho de Projecto e c) Estágio com Relatório, os quais para a sua realização podem dispor de um ou dois semestres.

A extensão total da Dissertação deve situar-se entre os limites mínimo e máximo de 40 a 60 páginas (componente não lectiva de 33 créditos, um semestre) ou de 80 e de 120 páginas (componente não lectiva de 60 créditos, dois semestres) e deve conter:

- Análise e interpretação crítica da bibliográfica científica referente à problemática escolhida de modo a ser estabelecido um estado da questão;

- Formulação de um problema ou de uma questão relevante, de modo a que, através de metodologias cientificamente validadas, o grau de conhecimento sobre a problemática escolhida possa ser aperfeiçoado;

- Recolha, análise e tratamento de dados;

O mestrando deve ainda preparar a discussão pública dos resultados obtidos bem como a enunciação da sua relevância para o esclarecimento da problemática escolhida.

O Trabalho de Projecto será realizado segundo uma de duas modalidades alternativas:

- Concepção pelo aluno de um projecto de investigação original versando temática relevante para a área de especialização do mestrado, com amplitude e profundidade adequadas à realização de uma investigação conducente ao grau de doutor.

- Concepção e desenvolvimento pelo aluno de uma aplicação original dos conhecimentos e competências adquiridas à satisfação de fins sociais, culturais e/ou económicos identificados.

O mestrando deve ainda preparar a apresentação e a discussão públicas do projecto e da sua relevância para o progresso do conhecimento científico na área de especialização do mestrado. A memória de projecto deve ter a extensão máxima de 50 páginas (componente não lectiva de 33 créditos, um semestre) ou 100 páginas (componente não lectiva de 60 créditos, dois semestres), excluindo lista de fontes, bibliografia e anexos (exemplos de anexos: documentos, gráficos, mapas, estatísticas, imagens).

O Estágio com Relatório tem a duração de 400 horas de trabalho (componente não lectiva de 33 créditos, um semestre) ou 800 horas de trabalho (componente não lectiva de 60 créditos, dois semestres) e deve:

- Decorrer em instituição pública ou privada, ou cooperativa ou associativa, com ou sem fins lucrativos, com a qual exista, à data do seu início, um protocolo estabelecido com a FCSH para esse fim;

- Garantir ao mestrando o desempenho de funções de carácter profissional relevante para a instituição de acolhimento e que envolvam a aplicação prática de conhecimentos teóricos e práticos adquiridos na parte curricular do curso de mestrado;

- Ser enquadrado por um plano de estágio definido, em colaboração, pelo responsável indicado pela instituição de acolhimento, por um orientador da FCSH pertencente ao quadro docente do mestrado e pelo aluno, cabendo ao docente a validação da correspondência do plano de estágio aos objectivos que lhe foram atribuídos como componente não lectiva para a obtenção do grau de mestre.

O mestrando deve ainda preparar a discussão pública dos resultados obtidos bem como a enunciação da sua relevância no quadro dos objectivos propostos para o curso de mestrado. A extensão total do relatório de estágio não pode exceder as 25 páginas (componente não lectiva de 33 créditos, um semestre) ou as 50 páginas (componente não lectiva de 60 créditos, dois semestres) excluindo bibliografia e anexos (exemplos de anexos: documentos, gráficos, mapas, estatísticas, imagens).

Quando deve ser entregue a componente não lectiva?
A componente não lectiva deve ser entregue até ao último dia do último semestre previsto para a conclusão do curso. O estudante deve entregar na Divisão Académica/Núcleo de Mestrados da FCSH o pedido de realização de provas, em impresso próprio, acompanhado de 6 exemplares em formato papel e de 2 versões em suporte digital.

A desistência do mestrado dá origem ao reembolso da propina paga?

Os valores de propinas* não são passíveis de reembolso. Os valores pagos a título de candidatura não são reembolsáveis, excepto por motivos não imputáveis ao candidato.

*A leitura desta informação não dispensa a consulta do regulamento de propinas em vigor no respectivo ano lectivo.

Como posso requerer o estatuto de trabalhador-estudante na FCSH e que benefício trará para a conciliação de ambas as actividades?
Considera-se trabalhador-estudante o aluno que exerça, em simultâneo com a frequência do curso na FCSH, uma actividade profissional remunerada ou que seja formando num curso de formação profissional, desde que, em qualquer dos casos, o respectivo horário de ocupação seja igual ou superior a 10 horas semanais.

O estatuto de trabalhador-estudante na FCSH permitir-lhe-á estar isento do regime presencial obrigatório das aulas, bem como dispor de uma época especial de avaliação, da qual poderá ou não usufruir. Deverá sempre delinear, com os docentes de cada unidade curricular, estratégias de aprendizagem e de avaliação que compensem as ausências justificadas.

O estudante-trabalhador usufrui ainda do dobro do tempo até à prescrição de matrícula comparativamente com os estudantes a tempo integral.

O aluno interessado deverá requerer o estatuto no acto de inscrição, junto da Divisão Académica, entregando a seguinte documentação:

- Identificação da entidade patronal, ou declaração de início de actividade;

- Número de beneficiário de Segurança Social da entidade patronal, se aplicável;

- Tipo de contrato de trabalho ou declaração da entidade formadora, se aplicável;

- Categoria Profissional;

- Horário de trabalho ou de formação referindo a data de início e fim da actividade.

Se começar a trabalhar até um mês antes do final do semestre, poderá requerer igualmente este estatuto, que vigora durante um ano lectivo, sendo renovável a cada inscrição.

De acordo com o Regulamento de Avaliação em vigor, o aluno deve também informar o Coordenador de Curso e Docentes do estatuto que adquiriu.

Consultar: Regulamento de Avaliação

O que significa o regime de frequência a tempo parcial?
O regime de frequência a tempo parcial permite a inscrição num máximo de 20 créditos por semestre, quando se trate do 2.º e 3.º ciclo.

Como posso requerer o regime de frequência a tempo parcial?
O regime de frequência a tempo parcial nos 2º. e 3º. ciclos deverá ser requerido no ano lectivo 2012/2013 com os seguintes prazos:

1.º Semestre – 16 de Novembro

2.º Semestre – 8 de Março

De que recursos disponho que me permitam aprofundar conhecimentos?
A FCSH dispõe de uma biblioteca e de um centro de documentação. A Biblioteca Mário Sottomayor Cardia (BMSC) funciona no Piso 1, da Torre B e coloca à disposição de alunos, docentes, investigadores e funcionários mais de 80 000 títulos de monografias, publicações periódicas e material-não-livro, centrados nas áreas das Ciências Sociais e Humanas. Dispõe de espaços para leitura e estudo, máquinas fotocopiadoras em regime de auto-serviço (através de cartões de cópias adquiridos na Tesouraria da Faculdade), serviço de empréstimo, quer domiciliário, quer interbibliotecas, que permite inclusive pedir fotocópias a bibliotecas nacionais e estrangeiras.

A Biblioteca Mário Sottomayor Cardia funciona no seguinte horário:
Períodos de aulas – de 2.ª a 6.ª das 9h30 às 20h00 Sábados das 9h30 às 15h00
Período de férias lectivas – de 2.ª a 6.ª das 9h30 às 17h00

Os alunos de mestrado e de doutoramento podem ainda aceder ao Centro de Documentação ID – Investigação e Doutoramentos, localizado no Piso 1, do Edifício ID, e beneficiar dos recursos das unidades de investigação da FCSH.

O Centro de Documentação ID – Investigação e Doutoramentos funciona no seguinte horário:
Período de Aulas:
2.ª a 6.ª feira das 10h30 às 18h30

A FCSH coloca, ainda, à disposição da sua comunidade uma mapoteca, o Centro de Documentação de Ciências Musicais e o Centro República - Centro de Documentação e Estudos sobre a História da I República e do Republicanismo.

Mais informações em http://www.fcsh.unl.pt/faculdade/bibliotecas

De que espaços posso usufruir para trabalhar, pesquisar ou estudar?
A FCSH tem em funcionamento cinco salas de informática e sete salas de alunos distribuídas pela Torre B (Pisos 0, 2, 3 e 6) e Edifício B2 (Pisos 0 e 1). A Faculdade coloca, ainda, à disposição dos seus alunos três estúdios (música, cinema e televisão) e cinco laboratórios (linguística, música, edição digital, criação cinematográfica e jornalismo).

Existem locais onde possa imprimir os meus trabalhos ou informação de estudo?
Na Sala de Informática do Bloco B2, é possível imprimir trabalhos ou outra informação, tendo os estudantes de adquirir um cartão, na Tesouraria da Faculdade (Piso 1 da Torre B) ou na própria Sala de Informática, que lhes permite fazer estas impressões, com o custo de 5 cêntimos por página.

Existe cobertura wireless que me permita aceder gratuitamente à internet?
Os estudantes da FCSH podem aceder gratuitamente à Internet em todo o campus da FCSH. Assim, basta ligar o computador à rede fcshunl que deverá ser detectada automaticamente. Para obter mais informações consultar o GI – Gabinete de Informática.

Posso obter um endereço de correio electrónico da Faculdade?
Sim. Os estudantes inscritos na FCSH podem ter gratuitamente um endereço de correio electrónico no servidor dos estudantes (@alunos.fcsh.unl.pt). Para obter mais informações consultar o GI – Gabinete de Informática.

Topo da Página