João Seixas
jseixas@fcsh.unl.pt

Unidade de investigação: Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais (CICS.NOVA - NOVA FCSH)

Áreas de investigação: Geografia Urbana, Planeamento Regional e Urbano, Políticas Urbanas, Geografia Cultural, Geografia Económica

Formação
AnoÁreaGrauInstituição
2007GeografiaDoutorUniversitat Autónoma de Barcelona
2002Geografia HumanaMestreUniversitat Autónoma de Barcelona
1997Regional and Urban Planning StudiesMestreLondon School of Economics and Political Science
1989EconomiaLicenciadoUniversidade Católica Portuguesa
  • Área Metropolitana de Lisboa  
  • A reforma político-administrativa de Lisboa  
  • Commodifying Lisbon  
  • Habitação e Alojamento local em Lisboa  
  • Lisboa em transição profunda e desequilibrada  
TítuloFonte de financiamentoInícioFim
A Reforma Administrativa da Cidade de Lisboa - Coordenação Técnico-Científica. Câmara Municipal de Lisboa e Assembleia Municipal de Lisboa, 2012-2017
A Governação Metropolitana na Europa: Estado-da-arte e Tendências. Observatório das Metrópoles, UFRJ Rio de Janeiro e ICS-UL, Lisboa, 2012-2013
Urban Governance in the South of Europe. Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa e Universidade Autónoma de Barcelona, 2010-2012
Creatcity – A Governance Culture for Urban Creativity: Lisbon, Barcelona and São Paulo. ISCTE e ICS-UL, 2007-2011
Programas de Revitalização Urbana para as Cidades Portuguesas. CET e DGDR/Observatório do QCA, 2004-2005
CargoInícioFim
2013-2017: Coordenador da equipa para a Reforma Administrativa da Cidade de Lisboa, Câmara Municipal de Lisboa
2012-2016: URBACT main expert and project assessor para as áreas de ‘Urban Governance and Planning’ (EC DG Regio, Urban and Regional Policies)
2008-2015: Investigador no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa
2009-2010: Comissário da Carta Estratégica de Lisboa
1999-2007: Investigador e Doutorando na Universitat Autónoma de Barcelona
2002-2004: Consultor da Câmara Municipal de Lisboa

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer