Candidaturas abertas para Erasmus+ fora da Europa destinadas a estudantes, docentes e staff

Estão abertas as candidaturas para mobilidades através de sete projetos Erasmus+ ICM da NOVA, dos programas JAMIES, ICM NOVA, Merging Voices e Mare Nostrum. Existem vagas para estudantes, docentes e staff académico e administrativo.

Todas as informações podem ser consultadas nas páginas dos projetos, onde são igualmente submetidas as candidaturas.

JAMIES – Candidaturas abertas até 12 de março

Mobilidade elegível até final de julho de 2023 (ano letivo 2021/22 ou 2022/23)

  • Universidades na Argélia, Israel, Jordânia, Líbano,  Marrocos, Palestina, Síria e Tunísia.
  • Vagas para estudantes, docentes e staff.

 

ICM NOVA – Candidaturas abertas até 31 de março

ICM 2019 – Mobilidade elegível até final de julho de 2022 (ano letivo 2021/22)

ICM 2020 – Mobilidade elegível até final de julho de 2023 (ano letivo 2021/22 ou 2022/23)

  • Universidades nos Balcãs, África, Rússia, Japão, entre outras.
  • Vagas para estudantes, docentes e staff.

 

Merging Voices – Candidaturas abertas até 31 de março

Merging Voices 2019 Mobilidade elegível até final de julho de 2022 (ano letivo 2021/22)

Merging Voices 2020 – Mobilidade elegível até final de julho de 2023 (ano letivo 2021/22 ou 2022/23)

  • Universidades em África e na Ásia.
  • Vagas para docentes, staff e um estudante PhD.

 

Mare Nostrum – Candidaturas abertas até 31 de março

Mare Nostrum 2018 – Mobilidade elegível até final de julho de 2021 (ano letivo 2020/21)

Mare Nostrum 2019Mobilidade elegível até final de julho de 2022 (ano letivo 2021/22)

  • Universidades nos países do Mediterrâneo e Balcãs Ocidentais.
  • Vagas para estudantes, para estudos ou estágio, docentes e staff.

 

Os pedidos de esclarecimento podem ser submetidos por e-mail para icm@fcsh.unl.pt. A NOVA FCSH organiza sessões online de esclarecimento para docentes e staff (26 de fevereiro às 10h00) e para estudantes (26 de fevereiro às 14h00).

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer