Tese defendida na NOVA FCSH distinguida com Prémio Estudar a Dança

Raquel Madeira, investigadora do ICNOVA e antiga aluna do Mestrado em Artes Cénicas, teve a sua dissertação de mestrado na NOVA FCSH distinguida com o Prémio Estudar a Dança, atribuído pelo Museu Nacional do Teatro e da Dança (MNTD). O trabalho, intitulado “Dança e Internet – Conectividade e Participação na Criação Coreográfica”, foi defendido na NOVA FCSH em 2019 e visa o impacto da internet na dança teatral contemporânea.

“Partindo do pressuposto da ubiquidade da rede no quotidiano das sociedades da comunicação e informação”, este estudo, nas palavras da autora, reflete sobre “como e de que forma a Internet tem impacto na Dança teatral contemporânea e pode influenciar a criação coreográfica, a partir da discussão de aspetos relacionados com a conectividade da rede e a participação na arte”, afirma.

O Prémio Estudar a Dança, que celebra o valioso espólio do MNTD, destina-se a galardoar trabalhos académicos de excecional qualidade que contribuam para o conhecimento desta Arte, estimulando o desenvolvimento de uma área disciplinar que tem sido pouco cultivada no nosso país.

O galardão, no valor pecuniário de três mil euros, é uma iniciativa da Direção Geral do Património Cultural (DGPC), através do MNTD e com o patrocínio da Fundação Millennium bcp. 

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer