06
Jul
Data: 6 a 15 Jul
Horário: 10h00 às 13h00 | 15 de julho das 10h00 às 14h00
Duração: 25h | 2 ECTS
Morada: NOVA FCSH | Sala T 7 - Torre B - Piso 2
Área: Comunicação Política Linguagem e Filosofia
Docente responsável: Teresa Rodrigues
Docente: João Estevens
Docente: Teresa Rodrigues
Acreditação pelo CCPFC: Sim - Formação geral e adequada (dimensão científica e pedagógica): Professores dos grupos 200, 400 e 430
Ensino presencial
Este curso vai ser lecionado na modalidade de Ensino Presencial

 

Objetivos

____

1. Compreender os conceitos e as práticas que se relacionam com as atividades das informações;

2. Analisar diferentes sistemas de informações à escala europeia e nacional ;

3. Adquirir conhecimentos sobre diferentes metodologias e técnicas de análise das informações;

4. Compreender a evolução histórica, o papel e a missão do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP) na sociedade portuguesa, nomeadamente no contexto da transparência democrática.

(Para complementar os dois últimos objetivos, os alunos terão oportunidade de esclarecer dúvidas e colocar questões que considerem pertinentes a um elemento do SIRP convidado na última sessão).

 

Programa

____

1. A segurança global

1.1 O paradigma da segurança global

1.2 Os diferentes níveis da segurança global: ‘novos’ riscos e ameaças

1.3 Os desafios das informações nas sociedades globalizadas

2. As informações estratégicas de segurança

2.1 Informação, contrainformação e informações

2.2 O ciclo das informações

2.3 A recolha das informações: HUMINT, OSINT, SOCMINT, GEOINT, SIGINT, IMINT, etc.

3. A produção de informações

3.1 O resultado do ciclo das informações

3.2 A comunicação e a classificação de informações

3.3 O apoio à tomada de decisão

4. Metodologias e técnicas de análise das informações

4.1 Como pesquisar e selecionar informação

4.2 Ferramentas de decomposição e visualização

4.3 Técnicas estruturadas de análise da informação

4.4 Apresentação das conclusões da análise

5. Informações e regimes políticos

5.1 Os serviços de informações em regimes democráticos e em regimes autoritários

5.2 A atividade das informações: controlo, supervisão e fiscalização

5.3 Informações de segurança: segredo de Estado, eficácia e transparência democrática

6. História das informações em Portugal

6.1 O período autoritário

6.2 A criação do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP)

6.3 As transformações do século XXI

7. As informações no contexto da União Europeia

7.1 O(s) modelo(s) de cooperação

7.2 As culturas de informações na Europa

7.3 O Brexit e a organização das informações na UE

8. Encerramento

8.1 Exercício de simulação

8.2 Q&A – Perguntas e respostas com especialista convidado do SIRP

 

Bibliografia

____

  • DE GRAAFF, Bob, e NYCE, James, com Chelsea Locke (eds.) – The Handbook of European Intelligence Cultures. Lanham: Rowman & Littlefield, 2016.
  • GRUSZCZAK, Arthur – Intelligence Security in the European Union. Building a Strategic Intelligence Community. Londres: Palgrave Macmillan, 2016.
  • HEUER, Richards J. Jr., e PHERSON, Randolph H. – Structured Analytic Techniques for Intelligence Analysis. Washington DC: CQ Press, 2011.
  • JOHNSON, Loch K. (ed.) – The Oxford Handbook of National Security Intelligence. Nova Iorque: Oxford University Press, 2010.
  • MOREIRA, Adriano (coord.) – Informações e Segurança, estudos em honra do general Pedro Cardoso. Lisboa: Editora Prefácio, 2004.

 

PROPINA

____

Ver tabela em Informações úteis.

 

docentes

____

João Estevens é investigador em ciências sociais. Tem desenvolvido investigação nas áreas da demografia política, das informações estratégicas, dos estudos de segurança, das teorias da democracia e das práticas punitivas do Estado. Doutorando no IPRI NOVA, fazendo parte do grupo de investigação ‘Democracia e Governance’, onde se encontra a terminar o doutoramento em Estudos sobre a Globalização, com uma tese dedicada à construção do poder punitivo em sociedades democráticas. Mestre em Ciência Política e Relações Internacionais – Globalização e Ambiente (NOVA FCSH). Licenciado em Economia (NOVA SBE) e em Ciência Política e Relações Internacionais (NOVA FCSH). É também pós-graduado em Programação e Gestão Cultural (ECATI-ULHT) e em Gestão de Informações e Segurança (NOVA IMS, SIRP, IDN). Colaborou em diferentes projetos de investigação e é, atualmente, investigador no ICS-ULisboa, fazendo parte do grupo de investigação ‘Ambiente, Território e Sociedade’.

Teresa Rodrigues  é professora no Departamento de Estudos Políticos da FCSH e Professora Convidada da NOVA Information Management School ambos da Universidade NOVA. Professora Associada com Agregação em Relações Internacionais. Coordenadora de três Pós-graduações: Estudos Estratégicos e de Segurança (parceria NOVA e IDN-MDN); Globalização, Diplomacia e Segurança (parceria NOVA, IDi-MNE e IUM-Estado Maior General das Forças Armadas-MDN); Gestão de Informações e Segurança (parceria NOVA, IDN-MDN e SIRP-PCM). É membro da Direção do IPRI-Universidade NOVA de Lisboa, onde coordena a área dos Foresight and Strategic Planning e membro de várias associações nacionais e internacionais no âmbito dos estudos demográficos e das relações internacionais. Responsável e membro de projetos de âmbito nacional e internacional, nomeadamente do Ministério da Defesa Nacional, da Fundação para a Ciência e Tecnologia e outros fundos Comunitários. Autora de centena e meia de artigos e doze livros publicados.

  • Centro Luís Krus – Formação ao Longo da Vida
  • Cursos da Escola de Verão (EV)

As nossas redes

Para quem quer estar mais próximo do que está a acontecer