Acções do Documento

Oito dos 14 centros de investigação da NOVA FCSH com nota “Excelente”

Financiamento para 2020-2023 ultrapassa os 18 milhões de euros.

Oito das 14 unidades de investigação da NOVA FCSH obtiveram a classificação de “Excelente” na avaliação de Unidades de Investigação e Desenvolvimento (I&D), hoje divulgada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT). A percentagem de unidades com esta classificação é praticamente o dobro da média nacional.

O valor total atribuído a todos os centros de investigação da Faculdade foi de 18,7 milhões de euros para o período 2020-2023, uma subida de mais de 8 milhões de euros relativamente ao anterior exercício de avaliação de 2015. Este financiamento permitirá, nomeadamente, contratar 18 novos investigadores e lançar 76 bolsas de doutoramento.

“Trata-se de um resultado muito positivo para a NOVA FCSH, que assim vê aumentar de cinco para oito o número de centros classificados com “Excelente””, disse Francisco Caramelo, diretor da Faculdade. “Esta avaliação é o reconhecimento da qualidade e do dinamismo da investigação que realizamos”.

Segundo informações da FCT, candidataram-se a este processo de avaliação 348 unidades de I&D, das quais 62 correspondem a novas unidades, incluindo quatro unidades que resultaram de fusões de unidades existentes. Na totalidade, as Unidades de I&D integram 19.418 investigadores. A distribuição das classificações das Unidades foi a seguinte: Excelente 31%, Muito Bom 33%, Bom 24%, Fraco 11% e Insuficiente 1%.

2019-06-25 18:33
Topo da Página