Acções do Documento

Investigadora da NOVA FCSH organiza conferência internacional em Israel sobre a Eurovisão

Académicos, profissionais da música e televisão e fãs reúnem-se em Israel para debater o Festival Eurovisão da Canção.

Sofia Vieira Lopes, investigadora e doutoranda do INET-md (Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos em Música e Dança da Universidade NOVA de Lisboa), organiza em conjunto com investigadores de universidades de Alemanha, Israel e Reino Unido, a segunda edição da Conferência Internacional Eurovisions, que terá lugar nos dias 14 e 15 de maio de 2019 em Tel Aviv, Israel. Durante duas manhãs, a intenção é "criar um espaço privilegiado de debate entre académicos e aqueles que todos os anos fazem o Festival Eurovisão da Canção acontecer".

Em paralelo com a 64.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, a Universidade de Tel Aviv (Israel) acolhe a segunda edição da Conferência Internacional Eurovisions: Perspectives from the Social Sciences, Humanities, and the Arts. Entre as 10 e as 13 horas, no Naftali Building desta Universidade, um conjunto de investigadores, profissionais das áreas da música e dos media, fãs e jornalistas irão contribuir para o debate em torno do tópico: "Multiple belongings in a globalising world”, uma reflexão que pretende ser alargada e enriquecida pela diversidade de perspectivas.

Do programa constam debates sobre questões políticas, como “Next Year in Jerusalem?” – The 2019 Eurovision Song Contest and the Struggle for (de) Legitimation", e sociais, presentes nos tópicos "Traces of National Representation on Eurovision Stages" e "Failure as Victory: The Cultural Capital of Queer Desire at Eurovision". Todas as sessões têm entrada livre e são abertas ao público.

No seguimento do trabalho iniciado em 2018 com a realização da primeira edição da Eurovisions, em Lisboa, esta nova edição irá criar, desta vez em Tel Aviv, um espaço de partilha de experiências e perspetivas, contando com o contributo de investigadores de renome mundial, bem como de outros agentes que ativamente contribuem para a realização do Festival Eurovisão da Canção, organizados em mesas redondas e comunicações individuais. Esta abordagem multidisciplinar pretende não só contribuir para uma visão crítica e mais alargada do fenómeno da Eurovisão, como também atrair uma audiência mais vasta, aproximando a academia à sociedade civil.

Esta é uma ação conjunta de um grupo de investigadores sediados em quatro países: Sofia Vieira Lopes (Investigadora e Doutoranda do Instituto de Etnomusicologia – Centro de Estudos em Música e Dança da Universidade NOVA de Lisboa), Carla Figueira (Professora e Coordenadora no Institute for Creative and Cultural Entrepreneurship, Goldsmiths, University of London, Reino Unido), Tal Feder (Post-Doc at the Department of Sociology and Anthropology, Tel Aviv University, Israel), Irving Wolther (Center for World Music, Universität Hildesheim e Professor Convidado na Hannover University of Music, Drama and Media, Alemanha), com a colaboração da Associação de fãs do Festival RTP da Canção e do Festival Eurovisão da Canção.

Mais informações no site e nas redes sociais:

Facebook: @EurovisionsConference

Twitter: @EurovisionsConf

Instagram: @eurovisionsconference

 

2019-05-09 17:35
Topo da Página