Acções do Documento

Instituto de Estudos Medievais lança novo ciclo de seminários

Seminário de Estudos Medievais vai ser o primeiro ciclo lançado pelo IEM no ano de 2018

Arranca a 25 de janeiro um novo ciclo periódico de seminários do Instituto de Estudos Medievais (IEM). Esta unidade de investigação da NOVA FCSH iniciará, com a coordenação dos investigadores Catarina Fernandes Barreira, Mário Farelo e Gonçalo Melo da Silva, o Seminário de Estudos Medievais (SEM).

O SEM tem uma formulação flexível, variando entre apresentações individuais ou encontros de uma tarde em torno de uma temática específica e é aberto a todos os investigadores ou investigadoras e público em geral. É objetivo do IEM que este seja "um espaço privilegiado para a apresentação de investigações individuais ou coletivas e para o diálogo e debate de ideias em torno de problemáticas relacionadas com a História, História de Arte, Arqueologia, Literatura, Arquivística, entre outras".

Iria Gonçalves abrirá a primeira sessão, às 17h00 de 25 de janeiro na Sala Multiusos 2 do Edifício ID da NOVA FCSH, com um tema que lhe é bem caro - a alimentação e a cozinha medievais.

Segue-se, a 7 de fevereiro, no mesmo local e horário, uma sessão de Arnaldo Sousa Melo, com o tema “Contratos de trabalho e formas de remuneração nos estaleiros régios medievais portugueses: tipologias e critérios de escolha”.

Dar continuidade uma herança de partilha

Integrados no plano de formação do IEM, os seminários periódicos 'Conversas sobre a Cidade' e 'Metodologias em Estudos Medievais' tornaram-se uma atividade de referência no seio do Grupo de Investigação 'Territórios e Poderes', somando mais de 50 apresentações realizadas desde 2010.

Destinados essencialmente a estudantes de licenciatura, mestrado e doutoramento, estes cumpriam o objetivo de promover, em ambiente informal, a troca de ideais e de conhecimentos sobre um tema de história urbana ou de metodologias utilizadas nos Estudos Medievais.

O IEM explica que este novo ciclo de seminários pretende, por um lado, dar continuidade "à herança de partilha e discussão informal de conhecimento que caraterizava os anteriores seminários periódicos" e, por outro, permitir "convergência do trabalho colaborativo realizado no seio desta unidade de investigação e a promoção dos Estudos Medievais 'latu sensu'".

 

2018-01-18 12:15
Topo da Página
classificado em: