Acções do Documento

Antigas alunas da NOVA FCSH vencem Prémios Gazeta 2018

Os Prémios Gazeta, uma iniciativa anual do Clube de Jornalistas, são considerados os mais prestigiados do jornalismo português.

Já são conhecidos os vencedores das várias categorias dos Prémios Gazeta 2018, que distinguem os melhores trabalhos jornalísticos do ano passado. Ana Luísa Rodrigues e Sofia da Palma Rodrigues, antigas alunas de Ciências da Comunicação na NOVA FCSH, foram distinguidas em Televisão e Multimédia.

Ana Luísa Rodrigues, jornalista da RTP, venceu ex-aequo com Vitor Bandarra a Gazeta de Televisão, com "Deportados para Outro Mundo”, a primeira grande reportagem em televisão que aborda as histórias de portugueses que passaram por campos de concentração nazis, deportados a partir de França. Foi emitida na RTP3 a 11 de maio de 2018.

Sofia da Palma Rodrigues, co-fundadora do projeto de jornalismo independente Divergente, venceu a Gazeta de Multimédia pela reportagem “Terra de todos, terra de alguns”, produzida em conjunto com Diogo Cardoso. Foi realizada em Moçambique e é sobre o efeito de investimentos agrícolas na vida de milhares de camponeses, subitamente privados das suas propriedades. Foi publicada online a 12 de julho de 2018, contou com uma versão impressa no jornal Público e uma versão televisiva na RTP África.

O Júri dos Prémios Gazeta 2018 foi composto por Eugénio Alves (Clube de Jornalistas), Cesário Borga (Clube de Jornalistas), Eva Henningsen (Associação de Imprensa Estrangeira em Portugal), Fernanda Bizarro (Freelancer), Fernando Correia (jornalista e professor universitário), Elisabete Caramelo (ex-jornalista e diretora de comunicação da Fundação Calouste Gulbenkian), Fernando Cascais (antigo diretor do CENJOR) e Paulo Martins (jornalista e professor universitário).

A lista completa dos premiados pode ser encontrada no site da Comissão da Carteira Profissional de Jornalista.

2019-07-03 11:40
Topo da Página