Acções do Documento

Aldeias com memória

Programa "Memória para todos", do Instituto de História Contemporânea, visita três aldeias do Nordeste Transmontano.

Numa iniciativa do programa Memória para Todos e da ATA - Associação de Turismo de Aldeia, será realizado o registo das memórias dos habitantes das aldeias de Talhas, Paradela e Rio de Onor, no Nordeste Transmontano. A ação enquadra-se no âmbito da iniciativa Memórias da Aldeia, que tem como objetivo identificar, registar, divulgar e patrimonializar as histórias e memórias relacionadas com a vida na Aldeia.

Até ao dia 7 de abril, uma equipa de investigadores da NOVA FCSH está em Talhas, Paradela e Rio de Onor para realizar o registo áudio e vídeo de testemunhos orais, digitalizar e fotografar documentos e objetos de todos aqueles que melhor conhecem estes territórios, as suas tradições e modosde vida.

A coordenadora científica do programa Memória para Todos, Fernanda Rollo, realça a importância da ligação entre a academia e a sociedade para a promoção de coesão social e territorial:“Registamos, preservamos e partilhamos histórias e memórias, incluindo testemunhos orais, documentação e objetos pessoais e familiares, valorizando as histórias de vida e das comunidades.Conhecemos para preservar e valorizar o património, a memória e a identidade das Aldeias. Mas,sobretudo, precisamos de conhecer para saber cuidar.”

O registo de histórias familiares e de vida, com recurso à história oral e à digitalização de documentos e objetos permite contextualizar e integrar de forma transversal os diferentes protagonistas na narrativa histórica, em que cada história conta. Esta abordagem promove dinâmicas intergeracionais de transferência de conhecimento e possibilita o estreitamento de laços intracomunitários. Para a academia, o registo, edição e contextualização de histórias de vida, bem como de documentos,objectos e fotografias podem garantir o acesso a novos caminhos para a investigação, nomeadamente através da produção de novas fontes. A sua disponibilização em acesso aberto na plataforma digital,tornando visíveis as entrevistas e documentação reunidas, constitui também um dos pilares deste programa.

MEMÓRIA PARA TODOS é um programa de formação e investigação colaborativa e de ciência cidadã desenvolvido pela NOVA FCSH (Instituto de História Contemporânea, Centro República) e a AssociaçãoKeep), que promovem o estudo, a organização e a disseminação do património histórico, cultural etecnológico de Portugal, desenvolvido em estreita relação com arquivos, instituições, municípios, escolas e associações locais.

2019-04-04 12:30
Topo da Página
classificado em: