Docentes

Fernando José Mendes Rosas

:
Fernando Rosas
:
História
:
Professor Catedrático
:

Contactos

Idiomas de Ensino

Português

Áreas de Investigação

  • História Contemporânea
  • Ditadura Militar e Estado Novo (1926-1974)
  • Iª República (1910-1926)
:
Estado Novo (1926-1974), Revolução Portuguesa (1974/1975), História Comparada dos Fascismos, Autoritarismo, Democracia, Modernização

Projectos de Investigação

  • Consultor: Estado e Memória: políticas públicas da memória da ditadura portuguesa (1974-2009), PTDC/HIS-HIS/121001/2010.
  • Investigador Responsável: A Nova República do Pós-Guerra (1919-1926). O caso português em perspectiva comparada na Europa do Sul, PTDC/HIS-HIS/102287/2008
  • Investigador Responsável: Agricultura e desenvolvimento em Portugal (1914-1986): Análise dos percursos das agriculturas, do desenvolvimento e das políticas agrárias em Portugal entre 1914 e 1986, PPCDT/HAR/61098/2004
  • Investigador Responsável: Salazar e os seus interlocutores: Organização, anotação e publicação da correspondência de Salazar com personalidades destacadas do regime, POCTI/HAR/45734/2002

Publicações Relevantes

  • Estado Novo e Universidade. A Perseguição aos Professores (com Cristina Sizifredo). Lisboa: Tinta da China, 2013
  • Salazar e o Poder. A Arte de Saber Durar. Lisboa: Tinta da China, 2012 (1ª edição) e 2013 (2ª edição)
  • Corporativismo, Fascismos, Estado Novo, (coord. com Alvaro Garrido). Coimbra: Almedina, 2012
  • Os donos de Portugal. Cem anos de Poder Económico (1910-2010), (et allii). Porto: Afrontamento, 2010
  • Lisboa Revolucionária (1908-1975). Lisboa: Tinta da China, 2010
  • O Fim das Ditaduras Ibéricas (cord. com Raquel Varela e Encarnación Lemus). Lisboa: Edições Pluma, CEA, 2010
  • 1910 a duas vozes. Porque venceu e porque se perdeu a I República? (com Mendo Henriques). Lisboa: Bertrand, 2010
  • Tribunais Políticos. Tribunais Militares Especiais e Tribunais Plenários durante a Ditadura e o Estado Novo, (coord., com Irene Pimentel, João Madeira, Luís Farinha e Maria Inácia Rezola). Lisboa: Temas e Debates, 2009
  • Francisco Craveiro Lopes. As desventuras do reformismo no Estado Novo. Lisboa: Presidência da República, 2005
  • A Transição Falhada. O Marcelismo e o Fim do Estado Novo (1968-1974), (coord.). Lisboa: Círculo de Leitores, 2004
  • Portugal século XX: 1890-1976: pensamento e acção política. Lisboa: Editorial Notícias, 2004
  • Daniel Barbosa, Salazar e Caetano: correspondência política: 1945-1966, Vol. I e II; 1967-1974, Vol. II, (org., prefácio e notas em colaboração com Rita Carvalho e Pedro Oliveira). Lisboa: Círculo de Leitores, 2002
  • Salazarismo e o Fomento Económico. Lisboa: Editorial Notícias, 2000
  • Portugal e a Transição para a Democracia (1974-1978). Actas do I Curso Livre de História Contemporânea (coord.). Lisboa: Colibri, 1999
  • Portugal no fim do milénio. Actas do colóquio internacional (coord. Fernando Rosas). Lisboa: Fim de Século, 1998
  • Portugal e a Guerra Civil de Espanha: Colóquio Internacional (coord.). Lisboa: IHC e Colibri, 1998
  • Dicionário de história do Estado Novo: 1926-1974 (coord.). Lisboa, Círculo de Leitores, 1996
  • O Estado Novo: 1926-1974. Vol. VII. História de Portugal (dir. José Mattoso). Lisboa: Círculo de Leitores; Estampa, 1994
  • Portugal entre a paz e a guerra: estudo do impacto da II Guerra Mundial na economia e na sociedade portuguesas: 1939-1945. Lisboa: Estampa, 1990
  • O Salazarismo e a Aliança Luso-Britânica: elementos para o estudo da política externa do Estado Novo nos anos 30 e 40. Lisboa: Fragmentos, 1988
  • O Estado Novo nos anos trinta: elementos para o estudo da natureza económica e social do salazarismo: 1928-1938. Lisboa: Estampa, 1986
  • As Primeiras Eleições Legislativas sob o Estado Novo: 16/12/1934. Lisboa: O Jornal, 1985

Formação

Ano Grau Área Instituição Classificação
1969
Licenciado
Direito
Fac. de Direito - Univ de Lisboa
13 valores
1986
Mestre
História
FCSH - Universidade Nova de Lisboa
Muito bom
1990
Doutor
História Contemporânea
FCSH - Universidade Nova de Lisboa
Muito Bom com Distinção e Louvor por Unanimidade

A atualização dos dados é da responsabilidade do respetivo docente e poderá ser feita na intranet.