www.drudgereport.com

Este site resume um tipo de jornalismo on-line em expansão e a sua figura mais notada: Matt Drudge. Este antigo repórter de imprensa tem assim a funcionar na net um local onde publica histórias com origens desconhecidas e, que na maioria das vezes, não passam exactamente de isso, meras histórias. Matt Drudge é o protótipo do jornalista que utiliza as novas tecnologias sem Ter em conta as preocupações e regras do jornalismo clássico, acabando, deste modo, por perverter o sistema informativo.

Recomendo-vos este site apenas a título de curiosidade de modo que possam observar e reflectir um pouco sobre os contornos que está a assumir esta profissão que nos preparamos para abraçar.

Interactividade:

Este site permite uma grande interactividade na medida em que os utilizadores podem enviar informações sobre histórias que conheçam e que sejam susceptíveis de ser tratadas pelo Drudge Report. É de realçar que o perigo desta interactividade é que somos confrontados com histórias por vezes reveladas por fontes anónimas e que não possuem qualquer tipo de investigação ou apuramento de verdade.

Prós:

- Possibilidade de aceder directamente aos sites de muitos órgãos de comunicação social, desde a Sky News, ao Washington Post, e ainda aos sites das agências noticiosas internacionais mais importantes, como por exemplo a Reuters.

-Existência de pequenos motores de busca internos que procuram informação desejada sobre os mais variados temas.

- Possibilidade de proceder a uma comparação deste tipo de jornalismo com o jornalismo dito de referência e com credibilidade.

Contras:

- Confrontação com notícias não editadas que não possuem a verificação prévia de uma estrutura editorial.

- Confrontação com notícias que podem não corresponder à verdade.

- Página inicial pouco atractiva e até "maçuda" , ainda mais quando se trata de jornalismo sensacionalista.

Curiosidades:

Este site tem um link que eu achei particularmente interessante e curioso que se chama "Drudge National Press Club Speech". Aqui podemos ouvir e ler o discurso que Matt Drudge proferiu numa conferência no Clube Nacional de Imprensa, nos Estados Unidos. Vale a pena consultar.

                                                                                    Rita Carvalho

    Junho 2000