TAREFA 2 – MAILING LISTS

Para esta tarefa, assinei 3 mailing lists, desde finais de Março.

 

 

 

 

ESCRITA COM LUZ

Mailing list sobre fotografia

«Escrita com Luz» é uma mailing list com bastante movimento de mensagens. Desde a altura em que me inscrevi, até esta data, recebi cerca de 300 mails, recebendo uma média de 15 por dia. A cada dia que passava, o movimento aumentava de tal forma que não o consegui acompanhar. Claro que não nos podemos queixar de falta de informação e resposta aos nossos mails: as pessoas respondem imediata e abundantemente. Mas a lista está vocacionada para fotógrafos amadores e para os aspectos mais técnicos da fotografia, fazendo-se esporadicamente referência a uma ou outra exposição ou páginas de fotógrafos e/ou fotografia.

É o próprio criador da lista, Fabrício Santos, que a define da seguinte forma: «Esta lista foi criada com o intuito de fomentar e facilitar a troca de ideias sobre a fotografia, que tantos adeptos conquista nos tempos que correm.(…) Pretende-se que este seja um local privilegiado para a discussão da fotografia convencional, técnicas de revelação, troca de truques para obter aquela fotografia perfeita... Por outro lado, também será o local ideal para a troca de informação sobre equipamento fotográfico, como por exemplo o lançamento de novos equipamentos, filmes, papeis, comparação de maquinas e objectivas, dicas de utilização desses mesmos equipamentos, etc. É também permitido o envio de informação comercial da área de fotografia para a lista.»

Apesar de ser uma lista que funciona (o que não acontece com muitas), torna-se muito difícil manter as mensagens em dia, dada a sua frequência.

 

PORTUG@L NEWS

Mailing list de notícias.

Anunciava-se como sendo «As Notícias e Factos da Lusofonia». E esta mailing list seria interessante... se funcionasse. Pois é, esperei dois meses por qualquer mensagem que não veio, nem sequer uma que dissesse que a mailing list já não funcionava, ou que dentro de algum tempo iria funcionar, nada. Silêncio total.

 

QUAKE-L

Mailing list sobre sismos.

Quando me inscrevi nesta mailing list pensei que iria obter informações acerca dos sismos: como funcionam, porquê... O que na realidade me chegava ao correio eram mensagens (na sua grande maioria) de um tal Sr. James R. Fisher que me informava das magnitudes e localização dos sismos que ocorriam um pouco por todo o globo. Desde sismos de intensidade 7.7 na Região do Japão, a tremores de terra de 3.7 em New York. Este é um exemplo do tipo de mail que Fisher manda:

 

«Date: Sat, 3 Jun 2000 10:22:09 GMT
From: KOYANAGI@neis.cr.usgs.gov

 

    U.S. GEOLOGICAL SURVEY  NATIONAL EARTHQUAKE INFORMATION CENTER
                  World Data Center A for Seismology

 

The following is from the United States Geological Survey,  National
Earthquake   Information   Center:    preliminary   hypocenter   for
earthquake of 2000 jun 03, NEAR EAST COAST OF HONSHU,  JAPAN,  about
35  miles  (60  km)  E of TOKYO, Japan:  latitude 35.6 degrees north
longitude 140.4 degrees east origin time 08 54 49.7  utc  depth  70,
magnitude 5.6 mb.»

Das cerca de 50 mensagens que recebi ao longo destes 2 meses, só sete não são deste tipo. Uma mensagem informa que se encontra disponível um livro raro, «Elementary Seismology», na eBay; outra mensagem pergunta como se pode ligar os sensores sísmicos ao computador. As outras são replys a estas.

Assim, é uma mailing list que tem o seu interesse, uma vez que nos mantém actualizados acerca dos sismos que pululam pelo nosso planeta.

 

 

Margarida Marreiros

05 Jun 2000